Estúdio de Witcher 3 Diz que Pirataria “Faz Parte”

Posted by:

A pirataria é algo que sempre aconteceu, e que não tem sinais de que vai parar. E as políticas mais agressivas para tentar detê-la parecem prejudicar até mesmo quem procura por cópias legais dos produtos. Em entrevista ao canal GOG do youtube, o CEO e co-fundador do CD Projekt, Marcin Iwinski, explicou que Witcher 3 será 100% livre de tecnologias DRM. Ele é franco dizendo que com ou sem DRM, o jogo será pirateado.

Estúdio de Witcher 3 Diz que Pirataria “Faz Parte”

DRM, ou Digital Restrictions Management  (em português Gestão de Restrições Digitais), tratam de uma série de tecnologias para restringir o uso de conteúdo digital e dispositivos depois da venda desses. Uma maneira de tentar estender com ainda mais força os direitos autorais de um produto.

A entrevista de Marcin Iwinski pode ser vista no youtube, para quem tem um bom ouvido pro inglês:

“Eu considero que a pirataria faz parte do nosso mundo. Para algumas pessoas a pirataria é um jeito de conseguir os jogos porque… Algumas pessoas tratam isto como algum tipo de desafio. Algumas simplesmente não podem arcar com o preço. E sobretudo, eu penso que se nós tratarmos essas pessoas direito, então em algum momento, seja o preço médio ou dentro do seu orçamento, elas vão lá e comprarão nosso jogo” é um pouco do que Marcin fala no video.

Ele acredita que usar restrições de direitos digitais com Witcher 3 não ajudaria em nada a parar a pirataria, além de não encorajar ninguém a obter uma cópia legal do seu jogo. O estúdio é realista: “o que quer que nós façamos, o jogo vai ser pirateado”.

Estúdio de Witcher 3 Diz que Pirataria “Faz Parte”

Usar tecnologias DRM faz a vida do “gamer dentro das leis” mais difícil, diz Iwinski. A companhia não quer alienar ninguém que deseja apoiar Witcher 3: “O pessoal que realmente depositou forças em nós e foi lá e comprou o jogo teve mais dificuldades que quem não se importou e pirateou”. Como resultado a CD Projekt decidiu fazer “igual pra todo mundo”. Eles não irão perseguir ninguém que pirateie o game.

Além disso, cópias piratas de um produto, servem pra propagandeá-lo no “mercado informal”, o mercado das cópias piratas, que existe para o bem ou para o mal. Quem pode pagar pelo original compra um desses. Acontece que se formos falar da realidade aqui do Brasil, quem pode são poucos, bem poucos.

Fonte: http://www.escapistmagazine.com

0
  Artigos Relacionados

Add a Comment