Highlander – Nada é Tão Ruim que Não Possa Piorar

Posted by:

highlander

Esta notícia é a prova de as coisas sempre podem ficar muito, muito piores do que já estão. Foi confirmado que Ryan Reynolds vai assumir o manto do clã McLeod no reboot da franquia Highlander. A franquia original vem teimosamente sobrevivendo ao tempo, exatamente como seu personagem principal, Conner McLeod.

Highlander já recebeu inúmeras (e sofríveis) sequências, uma série de televisão, séries animadas, romances, quadrinhos e card games.

O filme será dirigido pelo diretor Juan Carlos Fresnadillo, cujo mais notável trabalho foi 28 Weeks Later (e que talvez assuma o filme baseado no game BioShock). Não foram revelados detalhes sobre a trama, mas vale lembrar que o roteiro original, escrito pela roteirista da “saga” Crepúsculo, Melissa Rosenberg, foi reescrito por Art Marcum e Matt Holloway, os escritores de O Homem de Ferro.

Sem muita esperança, torço para que o novo Highlander não se torne outro Conan – mas definitivamente a escolha de Reynolds não foi das mais felizes. Não foram divulgadas informações sobre a data de início das filmagens ou de lançamento.

ryanlander-connor

 

1
  Artigos Relacionados

Comments

  1. Eric Musashi  junho 30, 2012

    É uma pena que insistam. O primeiro Highlander é um filmaço que marcou época. Os caras queriam apenas fazer um filme em que houvesse guerreiros com espadas do mundo antigo e medievo, e criaram todo o pano de fundo dos imortais para isso. Esses tempos assisti com minha esposa e nós dois gostamos muito, a despeito de ser de 1984.

    O problema foram as continuações. O segundo é lixo, o terceiro é uma versão piorada do primeiro, o quarto merece ser ignorado.

    O que salvou foi a série de TV, que acompanhei por um tempo e gostei muito.

    O grande problema é que os criadores foram despretensiosos, e o primeiro filme conta uma grande estória, porém a conclui. O melhor, para aproveitar a franquia, seria fazerem como no seriado, ou então retrocederem no tempo, narrando outras aventuras de Connor.

    Espero, de coração, que esse reboot não siga o caminho de Conan (fantástico nos primeiros minutos, e lixo sobre lixo no resto do filme).

    reply

Add a Comment