Portal

Posted by:

Você acorda em uma base ultra-tecnológica. Você é um prisioneiro. Uma voz computadorizada, mas agradável lhe conduz por límpidos labirintos subterrâneos fazendo você passar por testes simples com a promessa de liberdade… e de um bolo.

Os testes envolvem uma máquina que cria portais onde você quiser e mantém o momento de tudo que passa por eles. Os testes começam a ficar difíceis… depois começam a ficar perigosos… depois letais! E os corredores continuam limpos, a música continua agradável e a simpática voz computadorizada continua lhe falando coisas como:

Portal Valve

Avisos de perigo são obrigatórios em todos os equipamentos letais. Entretanto, foi descoberto que alarmes e luzes piscando causavam agitação na High Energy Pellet, logo eles foram desligados para sua segurança.

Por favor repare que nós adicionamos consequencias para falhas. Qualquer contato com o chão da câmara resultará em uma marca não-satisfatória em seu relatório oficial de teste. Seguido de sua morte. Boa sorte!

O Centro de Enriquecimento promete sempre lhe prover com ambientes de teste seguros. Em ambientes de teste perigosos, o Centro de Enriquecimento promete sempre lhe prover com conselhos úteis. Por exemplo, nesta sala o chão irá lha matar com o toque. Tente evitá-lo.

Devido a programação de manutenção obrigatória, a câmara apropriado para este teste está indisponível neste momento. Foi substituída com um percurso de tiro projetado para andróides militares a prova de fogo. O Centro de Enriquecimento pede desculpas pelo inconveniente, e lhe deseja boa sorte.

A essa altura você já percebeu que o único jeito de sair vivo dessa loucura é escapar dessa simpática voz robótica…

Portal Valve

Essa é a trama de Portal, um dos jogos mais originais que uma equipe de 8 pessoas já fez em toda história. A mecânica do jogo é legal pela sua simplicidade, mas ser simples não quer dizer simplório. De fato.. é difícil de explicar o sistema, portanto confira o vídeo:

Ou jogue sua versão em flash aqui.

Além da jogabilidade genial, a ambientação de humor negro é divertidíssima.

Portal foi lançado como um “Brinde” em um pacote da Valve chamado Orange Box que incluía como atração principal o Half-Life 2, mas logo se tornou um sucesso por si só e a equipe de 8 cresceu para mais de 40 para a produção de Portal 2.

Portal 2 é maior e com mais possibilidades que o jogo original, também tem um modo multiplayer que adiciona uma nova complexidade. Ou seja, para quem é fã, nada melhor que voltar para o mundo da “Aperture”. Mas por mais que eu goste do Wheatley e da versão “Potato” da Glados ainda prefiro a simplicidade da história do Portal original. Aquela parte em que você anda pelo passado do Centro de Enriquecimento me parece muito mesmo com uma versão Luzer de Bioshock.

É possível comprar os dois jogos por 55 dólares no Steam. O Portal 1 sozinho é uma pechincha, custa 10 dólares (uns 17 reais).

Um dos melhores jogos que já joguei mais barato que um ticket de cinema.

Portal Valve

1
  Artigos Relacionados

Comments

  1. Thiago Carrascosa  maio 14, 2011

    Excelente post sobre o jogo!!!
    To ate pensando em comprar… onde vejo a configuração pra rodar no note?

    reply

Add a Comment