Card Game – Sobek: A Tentação do Nilo

Posted by:

Sobek, a Tentação do Nilo, é um card game desenvolvido por Bruno Cathala. Cargas de mercadorias são levadas por barcos até o local da construção do templo de Sobek. Os jogadores devem competir para conseguir os melhores produtos a fim de obter o maior lucro. Nem tudo é conquistado de maneira legal, embora os jogadores busquem qualquer vantagem pode possam obter.

Seu objetivo em Sobek é adquirir grupos de bens, a fim de reivindicar pontuação e conjuntos de três ou mais cards. Os jogadores começam cada uma das três rodadas com dois cards em sua mão, então nove cards são retirados do cais. O baralho inclui seis tipos de bens – com 6-10 cards de cada tipo – seis amuletos (que contam como qualquer tipo de bem) e nove caracteres especiais (que podem ser jogados por seu poder especial ou agrupados com os cards de bens do tipo correspondente). Alguns dos cards de mercadorias apresentam 1-3 escaravelhos para mostrar o seu valor comercial, enquanto outros cards não mostram nenhum escaravelho. Cards de personagem, que possuem uma ilustração diferenciada em seu verso, são mantidos virados para baixo quando são retirados do deck, enquanto os cartões de bens são revelados. Cinco fichas de evento são retiradas enquanto 12 são escolhidas aleatoriamente e empilhados com a face voltada para baixo.

A cada turno um jogador pode:

– Reivindicar um card do cais. O jogador pode solicitar um dos quatro primeiros cards enfileirados, mas cada card que o jogador deixa passar irá ser adicionado a sua pilha de corrupção. O jogador com mais cards de corrupção no final da rodada perde pontos.

– Estabelecer um conjunto de três ou mais cards de mercadoria de um mesmo tipo, seja isoladamente ou em cima de um conjunto do mesmo tipo já existente. Se qualquer ficha de evento ainda estiver disponível, o jogador deve escolher uma delas e decreta-la imediatamente. As fichas de eventos dão pontos aos jogadores, modificam ações, transformam seus pontos de corrupção em bens, amaldiçoam um oponente ou aumentam o valor de um conjunto.

– Usar o poder especial de um personagem. Enquanto um personagem pode ser jogado como parte de um conjunto de bens, ele também pode ser descartado pelo seu poder: comprar cards extras, adicionar cards a um conjunto de bens, roubar cards, forçar oponentes a descartar e assim por diante.

Quando o card de final é retirado do cais, o jogador deve comprar imediatamente nove novos cards como uma nova entrega de mercadorias. Depois de cinco ou seis entregas a rodada termina com os cards não utilizados indo para a pilha de corrupção e os conjuntos de bens ainda na mão do jogador valendo pontos. Conjuntos jogados anteriormente na rodada valem pontos de acordo com o número de escaravelhos e o número de cartas no conjunto. Conjuntos jogados no final da rodada valem apenas a soma dos escaravelhos nos cards.

Ao final da rodada o jogador com mais pontos de corrupção é penalizado, perdendo um “símbolo” na marcação para cada dez pontos que ele tiver feito durante a rodada. A configuração dos cards é então redefinida como no início do jogo, e o jogador com o maior número de pontos após três rodadas vence o jogo.

Saiba mais no site oficial do jogo: http://www.gameworks.ch

0
  Artigos Relacionados

Add a Comment